You are here

Acreditações

AABB

 

AABB (anteriormente conhecida como Associação Americana de Bancos de Sangue, do inglês American Association of Blood Banks, mas hoje em dia apenas AABB) é uma associação internacional sem fins lucrativos que representa indivíduos e instituições na área da terapia celular e da medicina transfusional. A AABB está comprometida com o melhoramento do setor da saúde através do desenvolvimento  de padrões, acreditações e programas educaionais que têm como principais objetivos a otimização dos cuidados de saúde e segurança tanto de pacientes como de doadores.

A lista de Bancos de Sangue de Cordão Acreditados pela AABB indicatodos os bancos de sangue de cordão umbilical que obtiveram esta prestigiada acreditação. Estes centros são responsáveis pelo processamento e armazenamento de células estaminais do sangue de cordão umbilical que podem ser utilizadas em transplantes. O website também oferece uma listagem das perguntas mais frequentes relacionadas ao armazenamento de sangue de cordão.

O Programa de Acreditação da AABB procura aumentar a qualidade e segurança da coleta, do processamento e ainda do armazenamento e distribuição de produtos celulares e do sangue, incluindo sangue de cordão umbilical. O Programa de Acreditação avalia a qualidade e a operacionalidade do centro. A auditoria é baseada na observação e no cumprimento dos padrões da AABB tal como o cumprimento de normas e regulações nacionais. O próprio programa de acreditação da AABB é acreditado pela Sociedade Internacional para a Qualidade em Cuidados de Saúde (do inglês International Society for Quality Healthcare) uma prestigiada organização internacional que acredita e supervisiona organismos de acreditação.

A acreditação é baseada nos padrões da AABB. Os Standards são revistos a cada dois anos por um grupo que inclui especialistas na área do sangue de cordão umbilical, um especialista em ética e ainda médicos ligados ao transplante de células estaminais. Os Standards incluem requisitos em todos os aspectos do armazenamento de sangue do cordão incluindo testes maternos, processamento e armazenamento.Os padrões da AABB procuram definir atividades relacionadas a todos os aspectos do establecimento, através do sistema de gestão da qualidade.

O centro pode obter acreditação por várias atividades, incluindo a coleta e processamento mas também outros serviços como por exemplo testes aos dadores.  A acreditação dura por um período de dois anos. Os bancos poderão candidatar-se a uma re-acreditação para manter o seu estatuto de acreditação atual.

A acreditação da AABB é hoje e tem sido o padrão mais utilizado por bancos de sangue de cordão de família nos Estados Unidos e no Canadá.

Back to Top

FACT

A FACT, Foundation for the Accreditation of Cellular Therapy é uma organização sem fins lucrativos centrada no desenvolvimento de padrões, acreditações e materiais de educação na área da terapia celular e medicina regenerativa. A FACT foi criada pela comunidade médica com a premissa de que a qualidade das terapias celulares e do armazenamento de sangue de cordão umbilical apenas pode ser atingida com a cooperação e integração de todos os intervenientes desde a colecta, processamento até aos profissionais clínicos. Em 1996, a FACT foi criada pela International Society for Cellular Therapy (ISCT) e pela American Society for Blood and Marrow Transplantation (ASBMT). Então, em 2004, a FACT tornou-se parceira da NetCord um consorcio internacional de bancos de sangue de cordão, com vista ao estabelecimento padrões e acreditações. A inspecção voluntária bem como a acreditação da FACT é um processo à escala internacional.

Dentro da lista de bancos acreditados pela FACT estão bancos públicos e bancos de família. Dentro do grupo dos bancos de sangue de cordão de família, o local de colheita pode ser qualquer clínica com maternidade sendo que os responsáveis pela colheita podem ser médico(a)s ou enfermeiro(a)s. Alguns bancos públicos de sangue de cordão evoluíram no sentido de aceitarem também doações do tipo mail-in (doações em que a maternidade em questão não trabalha com nenhum banco em específico mas recolhe o sangue de cordão e envia-a para o banco pretendido). Neste caso a recolha do sangue de cordão umbilical deve ser feita por profissionais que tenham completado os requisitos do programa de treino à distância. Para acautelar esta mudança de panorama nas práticas respeitantes ao armazenamento de sangue de cordão umbilical, os padrões da FACT permitem desde 2010 a inclusão de locais de colheita sem localização fixa desde que os bancos de sangue de cordão responsáveis treinem os agentes de recolha e garantam que durante o transporte o sangue de cordão se encontra completamente protegido.

Os padrões e processos de acreditação da FACT incluem todos os aspectos envolvidos no armazenamento de sangue de cordão umbilical desde do momento da recolha no local onde o parto tem lugar, passando pelo laboratório onde a amostra é processada e terminando com a monitorização do paciente em caso de uso clínico do sangue de cordão.

Os padrões da FACT para bancos de sangue de cordão de família divergem muito ligeiramente daqueles utilizados nos bancos públicos para determinados parâmetros. Por exemplo, bancos de sangue de cordão de família têm 72 horas após o processo de recolha do sangue, enquanto bancos públicos têm apenas 48 horas. A maioria dos padrões são os mesmos para ambos os tipos de bancos de sangue de cordão umbilical uma vez que o sucesso do uso do sangue de cordão depende das práticas de qualidade presentes em cada etapa desde a recolha até à utilização do mesmo.

Os bancos de sangue de cordão umbilical acreditados pela FACT demonstram que as suas práticas estão em conformidade com os padrões quando submetem a documentação relativa à pré-inspecção, quando se submetem a uma rigorosa inspecção das suas instalações e corrigem eventuais problemas encontrados durante a inspecção. Uma vez que a FACT dá enfase ao cuidado com o paciente, antes do banco ser acreditado o relatório da inspecção é também revisto por especialistas em transplantação. As inspecções da FACT são realizadas de 3 em 3 anos.

A acreditação da FACT é reconhecida como a mais relevante e completa dentro do sector dos bancos de sangue de cordão umbilical e o número de membros continua a aumentar em todo o mundo. Desde 2008 ate aos dias de hoje, o número de bancos de sangue de cordão umbilical acreditados pela FACT mais do que triplicou. No presente, os bancos acreditados pela FACT estão espalhados por 23 países e pelos 5 continentes. A página principal do website da FACT (www.factwebsite.org) inclui um motor de busca para encontrar os bancos acreditados por país. Aqui temos a lista de bancos de sangue de cordão acreditados pela FACT nos Estados Unidos.

Back to Top

ONA

A ORGANIZAÇÃO NACIONAL DE ACREDITAÇÃO - ONA é uma entidade não governamental e sem fins lucrativos que certifica a qualidade de serviços de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente.

Nossa metodologia é reconhecida pela ISQua (International Society for Quality in Health Care), associação parceira da OMS e que conta com representantes de instituições acadêmicas e organizações de saúde de mais de 100 países.

O objetivo de nossa ação é promover um processo constante de avaliação e aprimoramento nos serviços de saúde e, dessa forma, melhorar a qualidade da assistência no País.

A ONA foi fundada em 1999 por entidades públicas e privadas do setor de saúde. Sua criação está ligada às mudanças que ocorreram após a Constituição de 1988, que definiu a saúde como um direito de todo cidadão.

Na década de 1990, instituições de saúde e governos começaram a se preocupar fortemente com a avaliação dos serviços oferecidos à população. Foi nesse período que surgiram as primeiras iniciativas regionais de acreditação e o Manual de Acreditação de Hospitais para América Latina e Caribe, publicado pela Federação Brasileira de Hospitais, Federação Latino-americana de Hospitais e Organização Pan-Americana da Saúde - OPAS.

A metodologia de avaliação da ONA foi desenvolvida a partir da revisão desses modelos de acreditação regionais e dos manuais da América Latina e de países como EstadosUnidos, Canadá, Espanha e Inglaterra.  Para ser utilizado nacionalmente, o manual da ONA foi testado em instituições de saúde nas cinco regiões do Brasil.

Desde sua criação, a ONA coordena o Sistema Brasileiro de Acreditação - SBA, que reúne organizações e serviços de saúde, entidades e instituições acreditadoras em prol da segurança do paciente e da melhoria do atendimento.

A ONA certifica:

I. Organizações Prestadoras de Serviços de Saúde

  • Hospitais
  • Ambulatórios
  • Laboratórios
  • Serviços de Pronto Atendimento
  • Home Care
  • Serviços de Hemoterapia
  • Serviços de Nefrologia e Terapia Renal Substitutiva
  • Serviços de Diagnóstico por Imagem, Radioterapia e Medicina Nuclear
Back to Top